Você pode ser uma chave!!!

Postado por Fabio souza     Categoria: Blog

Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele, comigo.
(Apocalipse 3:20)

Embora muitas vezes se utilize esse versículo para o não-crente, Jesus está falando com a Igreja, para pessoas que estavam ali. Ele diz: “… se “alguém” ouvir minha voz…”. Ele estava fora da igreja e sua realidade, e isso é algo grave. Então era uma carta para a igreja de Laodicéia.

Jesus está dizendo “estou à porta e bato”. Se alguém abrir, Ele entrará, e isso é o mesmo que dizer que Ele está por perto. Mas há algo que nos separa: uma porta, a porta que nos traz sensação de segurança, uma proteção para nosso conforto. Essa porta pode significar os nossos conceitos, formas de pensar que nos mantêm protegidos e confiantes, e concluímos que dentro dessa forma ou estrutura de pensamento estamos corretos. Isso era tudo que pensava e vivia a Igreja de Laodicéia: se definia como rica e abastarda, “nada nos falta, estamos seguros”. Sim, estavam, mas dentro do seu paradigma. Tudo indica que a igreja estava totalmente modelada com a forma de viver e pensar da cidade, assim como com seus valores e sua visão.

Então seja uma chave!Seja uma chave!Seja uma chave! Não pergunte como, só abra a porta sua vida, do seu coração para que começando em você ocorra uma liberação da presença do Senhor da Igreja.
Ele disse: “eu vou entrar, serei participante com você e serei intimo. e tudo que pedi ao meu Pai em meu nome eu farei.

Interessante é o fato de Jesus dizer alguém não definindo quem, às vezes nossas perspectivas para haja uma mudança do que abordamos tem que vir de lideres ou ofícios, Jesus não disse: … Se um apostolo ou profeta abrir eu entrarei… Ele disse… Se alguém. Não estou querendo desconsiderar a importância de um líder, um apostolo ou profeta, mas sim, destacar que depende de alguém para até que haja um despertamento nesses homens e mulheres se assim for necessário esse alguém pode ser uma chave para uma invasão da realidade de Jesus na igreja.

Jesus está perto.